Assim como os grandes estádios de futebol em dias sem jogo, as quadras e campos públicos de Salvador ficarão com portões trancados e luzes apagadas a partir desta quinta-feira (2). É que, em momento de isolamento social para dar um freio à disseminação do novo coronavírus, é necessário evitar aglomerações.

A Prefeitura determinou que todos esses espaços, cuja administração é da gestão municipal, sejam trancados com cadeado ou fechados imediatamente. Aquelas estruturas que possuem iluminação também começam a ter as lâmpadas desligadas.

A medida foi tomada após a Polícia Militar identificar aglomeração de pessoas nessas estruturas, que organizavam jogos informais de futebol mesmo em período de quarentena. A prioridade é que sejam fechados o campo do Imeja (Boca do Rio), do Curralinho (Boca do Rio), do Jaqueirão (São Marcos), do Lasca (Ribeira), do Estaleiro (Ribeira), da Pronaica (Cajazeiras), da Boa Viagem (Monte Serrat), do Lobato (Lobato) e do Parque São Cristóvão.

Além delas, a quadra da Praça da Saramandaia também já foi fechada pela Secretaria Municipal de Trabalho Esportes e Lazer (Semtel). O fechamento será feito com prioridade nos equipamentos de maior concentração de pessoas em vias e bairros de grande movimentação, mas todos os 525 campos e quadras de Salvador devem ser fechados.

Também fazem parte da lista as quadras de tênis e poliesportiva do Multishopping (Boca do Rio), a do Imbuí, a da Rua Sá de Oliveira (Plataforma), a do Largo do Tanque e a da Praça João Martins (Barris). 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui