Impacto no PIB
O assessor econômico da Fecomércio-Ba, Guilherme Dietze, acredita que o tamanho do estrago que a pandemia vai fazer na economia brasileira dependerá da duração das medidas de isolamento e da maneira como se construir a transição para um retorno. “Se estivermos falando de um mês, 0,48% de queda no PIB previstos no Boletim Focus, é algo razoável de se esperar, mas quatro meses de reclusão vão provocar um cenário imprevisível”, acredita. Para o economista, uma paradeira mais longa vai inclusive desafiar os princípios da teoria econômica. “É preciso tomar muito cuidado para que não se desorganize a estrutura produtiva do país”, recomenda. 

Apelo
Ontem, representantes do setor produtivo lançaram uma carta-aberta aos bancos. O documento encabeçado pelas federações da Agricultura (Faeb), Comércio (Fecomércio-Ba) e Indústria (Fieb) registra todo o descontentamento do empresariado à postura do setor financeiro. Dizem que agora, em meio à pandemia do coronavírus, os bancos estão dificultando ainda mais o acesso da população e dos empreendedores ao crédito. Pedem que o setor, “após anos e anos acumulando lucros que bateram recordes”, contribua com o país. 

Recuperação avança
A Odebrecht realizou no último dia 31 a primeira assembleia geral de credores virtual da história do Brasil. E os resultados foram bons para a empresa baiana. Os 100 credores que participaram da assembleia demonstraram sensibilidade aos argumentos apresentados, sobretudo em relação à necessidade de aprovação do plano ainda em abril. Isso permitirá à empresa assegurar sua continuidade e manter os empregos, já que a Odebrecht passará a ter recursos relevantes, como os dividendos da BRK e os advindos do plano de recuperação judicial da Atvos, braço energético do Grupo. O plano para reorganizar o pagamento de R$ 55 bilhões, sendo R$ 34 bilhões com os principais votos do país, foi reprovado apenas por sete empresas, com valores pequenos de dívidas. A bola agora está com o desembargador Alexandre Lazzarini, do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Ampliação de rede
A TIM anunciou a chega da tecnologia VoLTE, que permite chamadas em alta definição, ao município baiano de Marcionílio Souza. No município de Itapirucu, a novidade foi a chegada da frequência de 700 MHz, que melhora a  experiência de uso da internet móvel dos assinantes. 

Acesso grátis para MEI
O Mobills, aplicativo completo de gestão de finanças pessoais, oferecerá dois meses gratuitos de acesso premium à plataforma para os Microempreendedores Individuais (MEI). Para garantir o acesso completo à plataforma, basta informar o CNPJ, até o dia 16 de abril, ao realizar o cadastro no site www.mobills.com.br. Quem já utiliza o Mobills precisa  apenas acessar as contas via web e informar o CNPJ no card da promoção. Disponível para Android, iOS e web, o Mobills já atingiu a marca de mais de sete milhões de downloads. 
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui