Prefeitura realizou testes rápidos na Pituba

O primeiro dia de blitze para detectar possíveis casos de coronavírus terminou com 124 pessoas submetidas a testes rápidos e um diagnóstico positivo de covid-19. A ação desta terça-feira (7) ocorreu no bairro da Pituba, que concentra o maior número de infectados no estado.

A estratégia, que conta com a parceria de profissionais de saúde e da Transalvador, foi realizada nas mediações da Praça Nossa Senhora da Luz. A paciente que testou positivo foi uma mulher, de 31 anos, que mora no Horto Florestal.

De acordo com a análise laboratorial, ela já se enquadra no perfil sorológico de cura da doença e apresentou apenas sintomas gripais. Ou seja, ela está curada e não tem mais a capacidade de transmitir a doença para outras pessoas.

“Nosso objetivo com a testagem em massa da população é repetir em Salvador a iniciativa bem sucedida em países como Coréia do Sul que conseguiram identificar e isolar um grande número de infectados, impedindo assim um disseminação mais rápida do vírus. Nossa expectativa com essa mobilização é seguir com o achatamento da curva epidemiológica na cidade, evitando assim um colapso da rede assistencial”, destacou Leo Prates, titular da Saúde soteropolitana.

Durante a ação, técnicos da Secretaria Municipal da Saúde mediram a temperatura das pessoas dentro dos carros. Quem apresentou quadro febril –  acima de 37,8 ºC – e sintomas compatíveis com a doença por mais de sete dias, foi submetidos à testagem.

O exame possui 80% de confiabilidade e o resultado é encaminhado ao próprio paciente, pelo celular. Caso o resultado seja positivo, a pessoa é orientada a iniciar o isolamento domiciliar e a Secretaria se Saúde entra em contato para dar mais orientações.

Nesta quarta-feira (8), as blitze ocorrerão no Subúrbio Ferroviário, das 8h às 12h e das 14h às 17h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui