O Ministério da Saúde anunciou, nesta sexta-feira (10), que o Brasil chegou ao número de 1.057 mortes em decorrência do novo coronavírus. Com as confirmações, o país viu o balanço crescer em 116 óbitos nas últimas 24h, um aumento de 12% em relação à véspera, quinta-feira (9), quando tinha 941 vítimas fatais confirmadas.

Levando em conta os casos oficiais de contaminação, são 19.638. Como, no balanço do dia anterior, o total de infectados era de 17.857, houve um crescimento de 8,4% – 1.781 novas confirmações em 24h. De quarta para quinta, esse avanço foi de 12%.

Em relação à letalidade, o número subiu de 5,3% para 5,4%. Esse índice compara a quantidade de casos confirmados com as mortes registradas e, quanto maior ele é, mais letal é a doença. A taxa vem crescendo nos últimos dias – no início do mês, 1º de abril, era de 3,5%.

São Paulo continua como o estado com mais casos confirmados e mortes por causa do novo coronavírus: são 8.216 infectados e 540 óbitos. Em seguida, aparece o Rio de Janeiro, com 2.464 contaminados e 147 vítimas fatais. Apenas o estado de Tocantins não tem, até o momento, óbito pela doença.

O mapa geral de vítimas fatais relacionadas à covid-19 em cada estado do Brasil tem: Acre (2); Alagoas (3), Amapá (2); Amazonas (50); Bahia (19); Ceará (58); Distrito Federal (14); Espírito Santo (7); Goiás (8); Maranhão (16); Mato Grosso (2); Mato Grosso do Sul (2); Minas Gerais (17); Pará (9); Paraná (25); Paraíba (11); Pernambuco (65); Piauí (7); Rio Grande do Norte (11); Rio Grande do Sul (14); Rio de Janeiro (147); Rondônia (2); Roraima (3); Santa Catarina (18); São Paulo (540); e Sergipe (4).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui