Prédio do Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília

O número de presos com o novo coronavírus no Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal, subiu para 14. As informações são do portal Metrópoles, que disse ainda que até essa quinta-feira (9), apenas um havia testado positivo para a doença. Agora, cinco estão internados no Centro de Internamento e Reeducação (CIR) e nove se encontram no Centro de Detenção Provisória (CDP). Além disso, há 19 servidores do sistema penitenciário infectados com a covid-19.

Os dados são do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT). Ainda de acordo com o postal brasiliense, nesta sexta-feira (10), foi iniciada a aplicação de testes rápidos nas penitenciárias do Distrito Federal. Como mostrado pelo Metrópoles durante a semana, entidades de direitos humanos, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Câmara Legislativa local estão preocupadas com a disseminação da doença nas cadeias do DF.

De acordo com o MPDFT, somente nesta sexta seis policiais penais testaram positivo para o novo coronavírus. Todos estão afastados das funções. Conforme o último boletim da Secretaria de Saúde, o DF registra, até o momento, 14 mortes e 563 infectados por Covid-19.

Os presos que apresentam sintomas passam por triagem e são isolados. Da mesma forma, os que ingressam no sistema prisional são colocados, antes, em quarentena de 14 dias. Para os idosos, foi separada uma ala específica, onde as celas são abertas para ventilação desde a hora do café da manhã até as 17h.

A Secretaria de Segurança Pública informou à Vara de Execuções Penais que irá escolher, na próxima segunda-feira (12/04), o melhor local para a instalação de um hospital de campanha dentro do complexo da Papuda. A definição deve levar em conta aspectos de segurança, saúde e estrutura arquitetônica. A previsão para conclusão da obra é de 10 dias, a contar da data de escolha do local.

A determinação da Subsecretaria do Sistema Penitenciário (Sesipe), órgão da Secretaria de Segurança Pública (SSP), é de que todos os policiais penais infectados deixassem os postos de trabalho e se isolassem em casa.

Acesse aqui todas as notícias sobre o novo coronavírus

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui