A deputada estadual Olívia Santana (PCdoB/BA) lamentou em uma rede social a morte da fisioterapeuta Renilda Santana Sampaio, 62 anos, no sábado, depois de ser baleada em assalto em Pituaçu. “A violência não cumpre quarentena. Perdi minha querida amiga”, escreveu Olívia, compartilhando fotos das duas juntas.

Olívia relata que Renilda estava entrando no carro quando foi abordada por dois ladrões, na última segunda-feira. “Ela arrancou o carro e eles atiraram”. A fisioterapeuta estava desde então internada no Hospital Geral do Estado (HGE), falecendo ontem.

(Foto: Reprodução)

Depois, a deputada lembra que as duas se conheceram quando ela estudava na Ufba e era sempre confudida com a fisioterapeuta. “Lembro que quando eu entrei na Ufba, muita gente me confundia com Renilda. Diziam que eu era a cara dela. Um dia, nos encontramos, por acaso, e ela disse: ‘você só pode ser Olívia’. Eu respondi: ‘E você só pode ser Renilda’. Rimos muito! Éramos sósias uma da outra”, escreve.

A foto postada, relata Olívia, é do último encontro das duas, no Carnaval, durante a Mudança do Garcia. “Eu passei e ela estava numa escadaria, descansando. Relembramos ali, rapidamente nossos anos de amizade. Ainda que não convivêssemos frequentemente, a amizade era presente, sempre”, conta.

Por fim, Olívia presta homenagem aos talentos da amiga. “Renilda era fisioterapeuta, fazia massagem ayurvedica, que deixava a gente flutuando. Tinha uma sabedoria, uma sensibilidade uma visão holística muito incrível.
Perdemos para a brutalidade, a violência banal,fruto do jogo impiedoso das desigualdades sociais, um ser humano maravilhoso. Que vai fazer muita falta. Tô muito triste com essa perda.Axé, minha querida amiga! Que oxalá te receba, nos braços da paz”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui