Dois policiais militares foram presos em flagrante por extorsão no final da tarde desta segnda-feira (13) na Avenida Pinto de Aguiar, em Salvador. As prisões foram feitas por equipes da 40ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Nordeste de Amaralina), em apoio a uma operação do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Dracco), da Polícia Civil.

Os dois acusados, que não tiveram os nomes revelados, indicaram o local para que a vítima da extorsão deixasse a quantia em dinheiro exigida. A partir desta informação, a operação foi montada e as equipes ficaram aguardando o desenrolar da ação. “Após a vítima ter deixado o valor no local combinado, dois homens chegaram em uma motocicleta para retirar o dinheiro, momento em que receberam voz de prisão”, informou a PM da Bahia, em nota.

Durante a busca pessoal foram encontrados três aparelhos celulares e duas pistolas, sendo uma calibre .380 e outra .40. Eles então se identificaram como policiais militares lotados na 40ª CIPM.

Os dois militares, juntamente com o valor exigido, os celulares, as armas, e a motocicleta que pertencia a um deles, foram conduzidos para a sede do Dracco, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante.

“Em seguida, eles foram encaminhados à Corregedoria Geral da Policia Militar para adoção das medidas cabíveis e agora se encontram no Centro de Custódia Provisória, na Mata Escura, à disposição da Justiça”, completou a PM.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui