A Apple lançou nesta quarta-feira (15) uma versão barata do iPhone com preço de 399 dólares. Com o nome de SE, o novo representante da categoria deve surtir efeito de vendas sobre consumidores impactados pelos efeitos econômicos da pandemia de coronavírus. O aparelho também deve atrair mais usuários para os serviços da Apple, uma crescente fonte de receita para a empresa.

O SE tem tela de 4,7 polegadas e o mesmo processador do modelo mais avançado da Apple, o 11 Pro. Porém, o aparelho não tem conectividade 5G nem o sistema de destravamento do aparelho via leitura da face do usuário. Em vez disso, o modelo tem sensor de impressão digital.

O iPhone SE, estará disponível a partir de 24 de abril, mas ainda não há informações se o modelo chegará ao Brasil e nem o seu valor no mercado. O preço é US$ 50 dólares mais barato do que o modelo anterior mais barato da Apple, o iPhone 8, de US$ 449, que será descontinuado.