Globo
Ilustrações de Poliana Abritta e Lázaro Ramos na campanha da Globo (Imagem: Divulgação)

O ano de 2020 tem sido completamente diferente para os brasileiros. Pensando nisso, a Globo decidiu investir em uma campanha de fim de ano inovadora. A tradicional vinheta deixou de lado a aglomeração e promoveu a importância do abraço, neste momento em que estamos privados disso.

No vídeo, atores, jornalistas e apresentadores se dividiram em mais de 100 gravações remotas e presenciais, sempre individuais e ao som de Um Novo Tempo.

Diferentes técnicas de pós-produção e linguagens como animação, stop-motion e colagens foram utilizadas para garantir o encontro e os abraços dos talentos.

Além da mudança na performance, a canção sofreu uma alteração inédita. Um trecho da letra, em vez de entoado pelo elenco, foi substituído por uma emocionante narração de Regina Casé.

A Globo também pensou em uma quantidade reduzida de talentos. Por questões de logística e para preservar a saúde de todos, participaram das gravações apenas alguns representantes de atrações que foram ao ar em 2020 e as previstas para a programação em 2021.

O filme começa com o elenco em telas, dispostas em um grande estúdio. Em seguida, a emoção toma conta e o espaço fica pequeno demais, levando a um salto da tela para um abraço. A partir desse momento, a vinheta vira uma grande celebração, com os atores, jornalistas e apresentadores, em formato de bonecos, marionetes e personagens, se abraçando e representando de forma lúdica a mensagem de renovação das esperanças.

Assista ao vídeo:

O post Vinheta de fim de ano da Globo tem letra modificada e abraços virtuais apareceu primeiro em RD1 → Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.