Marcada para o próximo dia 25, a cerimônia do Oscar 2021 bate à porta. No momento, com base em outras premiações, já é possível apontar alguns favoritos, como “Nomadland”, na categoria de melhor filme, Chloé Zhao, melhor direção, e Chadwick Boseman, para o prêmio de melhor ator. Por outro lado, outras categorias seguem indefinidas e contam com dois ou mais filmes disputando o prêmio. É o caso de melhor canção original, que premia as composições feitas exclusivamente para os longas. No passado, a categoria premiou músicas que entraram para a história como “My Heart Will Go On” (“Titanic”), de Celine Dion, “Lose Yourself” (“8 Mile”), de Eminem, e “Shallow” (“Nasce Uma Estrela”), de Lady Gaga com o ator Bradley Cooper — que no Brasil virou “Juntos” na versão de Paula Fernandes. Neste ano, cinco canções foram indicadas, sendo que duas estão em filmes que concorrem na categoria principal da noite. Conheça as indicadas.

“Hear My Voice” – “Os Sete de Chicago”

Embalado por um grande elenco, “Os Sete de Chicago” foi um dos filmes que mais recebeu indicações ao Oscar 2021, concorrendo a seis prêmios: melhor filme, melhor ator coadjuvante (Sacha Baron Cohen), melhor roteiro original, melhor fotografia, melhor edição e melhor canção original. Na última, o longa aparece indicado por “Hear My Voice”, composta por Daniel Pemberton e Celeste Waite. A indicação foi considerada uma surpresa e dificilmente levará o prêmio para casa.

“Io Sí (Seen)” – “Rosa e Momo”

Esnobado nas demais categorias, “Rosa e Momo” foi lembrado na categoria de melhor canção original por “Io Sí (Seen)”. A canção é assinada pela compositora Diane Warren e pela cantora Laura Pausini. Devido ao retrospecto da composição em outras premiações, é possível dizer que ela é uma das favoritas ao prêmio. A música foi indicada na mesma categoria em premiações como o Critic’s Choice Awards e venceu o prêmio no Globo de Ouro e no Sattelite Awards.

“Husavik” – “Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars”

Distribuído pela Netflix, “Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars” também acabou sendo esquecido de outras categorias, mas foi lembrado pela canção “Husavik”. Composta por Rickard Göransson, Fat Max Gsus e Savan Kotecha, a música é interpretada pela atriz Rachel McAdams no longa, mas a voz original é da cantora Molly Sandén. Inicialmente, a música não era apontada como uma das principais candidatas a uma indicação, mas conquistou os membros da Academia.

“Fight For You” – “Judas e o Messias Negro”

Ao lado de “Os Sete de Chicago”, “Judas e o Messias Negro” é o único longa indicado ao prêmio de melhor filme lembrado na categoria musical. O loga concorre com a composição “Fight For You”, composta por D’Mile e H.E.R. e interpretada pela cantora ao lado de Tiara Thomas. A canção também foi indicada a outras premiações, como o Globo de Ouro e o Critics Choice Awards, mas acabou sendo preterida em ambas as ocasiões. Mesmo com cenário desfavorável, pode surpreender e conquistar o Oscar.

“Speak Now” – “One Night In Miami…”

Inicialmente considerado um dos favoritos da temporada, “One Night In Miami…” perdeu força ao longo dos meses. No Oscar, recebeu apenas três indicações: melhor ator coadjuvante (Leslie Odom Jr.), melhor roteiro adaptado e melhor canção original. Nesta última, o reconhecimento veio pela canção “Speak Now”, assinada pelo próprio Leslie em parceria com Sam Ashworth. Se nas demais indicações corre por fora, nessa desponta como favorito. Além da indicação no Globo de Ouro, a canção levou o prêmio do Critics Choice Awards e ganhou força nesta reta final da campanha.