Sem contar com Alisson no gol por estar machucado, mas com Fabinho e Roberto Firmino em campo, o Liverpool “jogou para o gasto” nesta terça-feira, 1º, e bateu o Ajax por 1 a 0 no estádio Anfield Road e se classificou às oitavas de final da Liga dos Campeões. Jones foi o autor do único gol do duelo na Inglaterra. Os ‘Reds’ chegaram a 12 pontos e não podem mais ser alcançados no topo do grupo D. Atalanta, com oito pontos, e Ajax, com sete, disputarão a segunda colocação em confronto direto na próxima semana. Na outra partida da chave, os italianos decepcionaram ao empatar com o Midtjylland em 1 a 1 na Dinamarca.

No outro jogo de destaque do dia, o Atlético de Madrid quebrou a sequência de vitórias do Bayern de Munique com um empate em 1 a 1 no estádio Wanda Metropolitano. O Bayern, que hoje teve uma série de desfalques, não era batido na Champions desde 13 de março de 2019, quando levou 3 a 1 do Liverpool, na Allianz Arena, e deu adeus àquela edição da competição. Depois disso, foi campeão na temporada 2019-2020 com 11 vitórias em 11 partidas e vinha de quatro triunfos em quatro compromissos nesta campanha. João Félix abriu o placar aos 26 minutos do primeiro tempo. Llorente cruzou rasteiro da direita, o português se antecipou à marcação de Süle e completou para a rede. Müller converteu cobrança de pênalti aos 40 minutos da segunda etapa e deixou tudo igual. O atual campeão, que já estava classificado, garantiu a primeira posição do grupo A, com 13 pontos, contra seis do Alético. A equipe ‘rojiblanca’ é vice-líder e na última rodada, disputada no próximo dia 9, precisará de um empate com o Red Bull Salzburg na Áustria para se classificar. O Salzburg, por sua vez, assumiu o terceiro lugar ao derrotar o Lokomotiv Moscou, agora lanterna e já eliminado – com três pontos – por 3 a 1 na Rússia.

Inter de Milão vence Mönchengladbach e dá respiro ao Real Madrid

O grupo B está completamente aberto para a última rodada. O Shakhtar Donetsk assumiu a segunda posição ao vencer o Real Madrid por 2 a 0 em Kiev, igualou os sete pontos do adversário e ficou à frente devido ao confronto direto. Enquanto isso, a Inter de Milão manteve as chances de classificação ao vencer o Borussia Mönchengladbach por 3 a 2 no Borussia-Park. O Gladbach teria se garantido nas oitavas se tivesse vencido. Lukaku, com dois gols, e Darmian foram os heróis ‘nerazzurri’, enquanto Pléa marcou duas vezes para a equipe da casa. O francês ainda chegou a completar um “hat-trick”, mas sua jogada foi anulada com a intervenção do VAR. O time alemão ainda lidera a chave, mas tem oito pontos e precisará ao menos de um empate com o Real na Espanha daqui a oito dias. Já a Inter, ainda última, com cinco pontos, avançará se superar o Shakhtar em Milão.

*Com informações da EFE