Ronaldinho Gaúcho está concorrendo ao prêmio de melhor jogador do século XXI pela “Globe Soccer Awards”. O brasileiro está na final com Lionel Messi, Cristiano Ronaldo e Mohamed Salah. Os quatro foram os mais votados entre 28 estrelas, incluindo Ronaldo Fenômeno, Andrea Pirlo, Neymar, Francesco Totti e Zlatan Ibrahimovic. Os vencedores serão conhecidos no dia 27 de dezembro, em cerimônia virtual devido à pandemia da Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus.

Gaúcho foi nomeado duas vezes o melhor do mundo da Fifa no século, em 2004 e 2005. Além ganhar diversos títulos com a camisa do Barcelona, onde viveu o seu auge, ele foi titular na seleção brasileira campeão do mundo de 2002, na Copa realizada na Coreia do Sul e no Japão. Além disso, o ex-atleta sasgrou-se vencedor da Copa Libertadores da América com o Atlético-MG, em 2013. O brasileiro, no entanto, precisará concorrer com Messi e Cristiano, que venceram, respectivamente, seis e cinco vezes o prêmio de melhor da temporada. Messi e Cristiano Ronaldo também estão na briga pelo posto de melhor da temporada 2020 pela Globe Soccer Awards. O argentino e português, no entanto, não são favoritos, já que Robert Lewandowski, do Bayern de Munique, leva vantagem por ser o goleador da última Champions League e do Campeonato Alemão, torneios em que o time da Baviera saiu vencedor.

Já na categoria de melhor técnico das últimas duas décadas, Felipão ficou de fora da lista final. Foram nomeados Alex Ferguson, Pep Guardiola, José Mourinho e Zinedine Zidane. A Globe Soccer Awards também revelou os finalistas do prêmio de melhor técnico da temporada. Gian Piero Gasperini, comandante da Atalanta, brigará com os alemães Hans-Dieter Flick, do Bayern de Munique, e Jürgen Klopp, do Liverpool. pela premiação de melhor técnico do ano. Já Giovanni Branchini e Mino Raiola, Jorge Mendes concorrem na categoria de melhor empresário do século.