Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes
Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes

O Brasil é o país campeão em casos de câncer no órgão genital masculino — e um dos principais motivos é a falta de limpeza adequada. O Mestre e Doutor em urologia Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes explica que esse cuidado deveria estar no topo da lista de atenção masculina.

Tem muito homem que acha a preocupação com a higiene um exagero, que basta tomar banho todos os dias para estar livre de qualquer problema – mas isso está longe de ser verdade. A falta de higiene íntima, tanto para o homem quanto para mulher, pode acarretar em inflamações e irritações na área genital, que vão desde uma coceira chata até infecções graves por fungos, como a candidíase no homem. Mas não pense que é muito complicado manter as partes baixas sempre limpinhas, basta seguir as dicas dos especialistas:

  • Lavar as mãos: Parece óbvio, mas o Doutor Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes conta que muitos homens esquecem de lavar as mãos após usar o banheiro. A lavagem antes de tocar o pênis é fundamental para evitar fungos e bactérias.
  • Roupas íntimas: Os melhores modelos para uma melhor circulação de ar na área genital são a cueca samba-canção ou “boxer”, porque são mais soltas. Em comparação com a roupa íntima sintética, a roupa íntima de algodão é mais macia, mais confortável e absorve mais o suor.
  • Depilação: Não é necessário raspar completamente os pelos pubianos. O Doutor Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes até desaconselha a realização desta operação. No entanto, recomenda sempre aparar os pelos pubianos e manter a área limpa para evitar o acúmulo de fungos e bactérias.
  • Enxugar o pênis: Com certeza não é um costume, mas enxugar o pênis após urinar, com papel higiênico, reduz a chance que resquícios de urina fiquem na cueca, o que favorece infecções e fungos, além de causar um cheiro forte com o decorrer do tempo.

Higiene após relações sexuais: Manter a higiene após a relação ajuda a evitar fungos e bactérias, como a candidiase. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, especialista em urologia, diz que é importante também para remover os resíduos restantes de sêmen, o excesso de lubrificante do preservativo e a lubrificação natural da mulher.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui