Na última quinta-feira, o Google Earth ganhou uma nova função chamada Timelapse, que reúne 24 milhões de imagens obtidas via satélite entre 1984 e 2020. A intenção é mostrar a transformação e sobretudo a destruição do planeta ao longo das últimas décadas.

Entre os causadores das mudanças observadas, podem ser elencados o aquecimento global, a mudança climática, crises hídricas e, é claro, a ação do homem. É possível visualizar as imagens em 3D, o que fornece uma oportunidade de ver com ainda mais detalhes o impacto que o tempo e a humanidade tiveram na Terra. É possível ter um gostinho da nova ferramenta em diversos vídeos neste link.

Para navegar, é simples: basta abrir o Google Earth, clicar no ícone de timão de barco e navegar pelo globo com o cursos, escolhendo os anos que de pretende observar. Há cerca de 200 destaques que ajudam o usuário na exploração virtual.

O Google afirma que um dos principais objetivos do Timelapse é “educar, informar e inspirar as pessoas para a reflexão sobre os cuidados com a casa de toda a humanidade”.

Continua após a publicidade