Um novo estudo, encomendado pela empresa Digital Turbine, comparou brasileiros e norte-americanos em relação ao download de aplicativos e ao tempo de uso de smartphones. De acordo com o levantamento, o brasileiro médio compra mais celulares, baixa mais aplicativos e usa mais o smartphone do que os moradores dos Estados Unidos.

Uma outra pesquisa, publicada no começo de 2020, já apontava que o Brasil é o terceiro país do mundo em termos de tempo passado em aplicativos. A média brasileira é de 3 horas e 45 minutos passados em aplicativos em 2019. As nações que lideram o ranking são a China e a Coreia do Sul.

Entre os aplicativos mais usados no país, estão aqueles ligados a finanças. Em nível mundial, eles foram acessados cerca de um trilhão de vezes em 2019. Jogos também são bastante procurados, arrecadando 72% de todo o faturamento obtido por aplicativos pelo planeta.